Evolução da dívida pública americana desde 1969: a história contada por um gráfico

Economia em Pílula, uma dose de economia no seu dia | por Arthur Solow

Donald Trump, que irá assumir a cadeira presidencial no começo de 2017, prometeu na campanha reduzir impostos para incentivar a economia. Sem contrapartida na redução de gastos do governo, o resultado é bastante conhecido: aumento do déficit das contas públicas e consequente aumento do endividamento público.

Confira o desempenho de cada presidente no aumento (ou redução) da dívida pública nacional, como percentual do PIB:

graf1

Apenas no governo Clinton houve uma queda substancial na relação dívida/PIB; nos outros governos, sejam de democratas ou republicanos, a tendência foi de alta, com destaque ao último governo de Barack Obama, embora um aumento significativo tenha sido observado no último ano do governo Bush Filho.

O grande benefício dos americanos é que a impressora de dólares está pronta para funcionar. Como a moeda americana é utilizada mundialmente, os efeitos na inflação local não são tão diretos como nas moedas de países emergentes, como é o caso brasileiro. Aliás, você pode visualizar a evolução da dívida pública brasileira aqui.

Qual será o caminho dessa montanha russa que é a dívida pública americana? Por aqui: http://www.usdebtclock.org/ ela continua subindo, subindo, subindo...

Comentários

Sobre Arthur Solow 47 Artigos
Economista nato da Escola de Economia de São Paulo da FGV. Parente distante - diz ele - do prêmio Nobel de Economia Robert Solow, que, segundo rumores, utilizava um nome artístico haja vista a complexidade do sobrenome. Atualmente trabalha em uma empresa de consultoria para MPEs e possui experiência anterior de dois anos no mercado financeiro, em uma gestora de fundos de investimento. Possui artigos publicados na revista Agroanalysis, da FGV, direcionada a assuntos relacionados ao agronegócio brasileiro. Autor do extinto blog Política & Economia Brasil, incorporado ao Terraço Econômico, que ofereceu uma oferta significamente melhor que a do Facebook.

1 Trackback / Pingback

  1. A explosão da dívida pública no Japão em um gráfico - Terraço Econômico

Comentários não permitidos.