Dinheiro fácil é perigo certo: 4 dicas para evitar armadilhas financeiras

Vivemos em uma geração de chuva de informações, algumas delas verdadeiras e outras falsas, o que tem popularizado o termo fake news. O fato de estarmos conectados impulsiona ainda mais algumas “novidades” e, em frações de segundos, milhares de pessoas possuem acesso à determinada informação, algo que antes demandaria um tempo bem mais extenso.

O problema maior é que muitas pessoas sabem dessa velocidade em disseminar informações. Portanto, essa conectividade tem se tornado um veículo de demonstração de marcas, produtos e serviços. Entretanto, ela também é utilizada para grandes promessas, o que tem levado inúmeras pessoas às armadilhas, especialmente na vida financeira.

A espera é algo que incomoda a grande maioria da população. Se o assunto é dinheiro, queremos o máximo possível, aqui e agora. O problema maior não está no desejo de ser rico, e sim, em querer essa riqueza de forma fácil ou por meio de fórmulas mágicas.

Talvez você já tenha visto os anúncios que  prometem grandes ganhos em apenas poucas ações ou o segredo dos milionários em poucos segundos. Estou aqui para alertá-lo, pois, existem muitas pessoas tentando enganar e ludibriar, fazendo uso do desejo de se tornar rico e ter uma mudança de vida.

Vale lembrar que nem sempre determinada ação realizada por uma pessoa pode ter o mesmo efeito quando aplicada na vida de outros. Afinal, possuímos realidades diferentes, podemos estar em uma conjuntura econômica diferente e tantos outros aspectos.

Repito, não é errado desejar uma vida financeira melhor. Eu e tantos brasileiros partilhamos do mesmo desejo, possuir uma vida financeira, profissional e emocional cada vez melhor. Mas, é necessário ligar o sinal de alerta diante de propostas que oferecem tais coisas sem esforço algum e em poucos segundos.

Sejam as falácias de empréstimo sem juros ou as ligações dizendo que você ganhou um prêmio, mas, antes você precisa transferir alguns recursos para determinada conta bancária. Existem até anúncios na Internet, que prometem riqueza em apenas poucos cliques. Para evitar esses tipos de armadilhas financeiras, recomendo o seguinte passo-a-passo:

1 – Onde há fumaça, há fogo…

Verifique a fonte e a credibilidade de quem está prometendo algo suspeito. Diversas empresas que realizam tais promessas já possuem inúmeros processos e reclamações em órgãos de proteção e defesa ao consumidor, logo, é muito importante verificar essas informações para não sermos os próximos.

2 – Conhecimento

Busque conhecimento caso você não saiba sobre o assunto em questão.  Procure o que especialistas ou pessoas que possuem respaldo na área dizem, ou até mesmo pessoas de sua confiança, pois, elas podem abrir os nossos olhos para pontos que estavam ali e não notamos.

3 – As letrinhas pequenas

Cuidado com as “letrinhas pequenas”! Leia sempre com muita atenção, se houver algum termo, contrato ou página ofertando tais promessas. Muitas pessoas encantadas por terem encontrado o “segredo” acabam passando despercebidas por informações importantes, que demonstrariam que tais promessas estão mais para verdadeiras armadilhas.

4 – Esforço vem antes do sucesso

Tenha em mente que oportunidades fantásticas podem existir, mas, alcançar o sucesso depende de esforço. Muitas pessoas bem-sucedidas carregam também uma história de persistência, ou seja, tempo!

Bom… se vale abusar um pouco mais dos provérbios e ditos populares: nem tudo que reluz é ouro! Então, na próxima vez que encontrar aquela promessa suspeita ou até mesmo a oferta que dizem ser imperdível, não se esqueça das dicas desse artigo aqui. Assim a sua alegria de hoje não se tornará frustração amanhã. Saúde financeira a todos nós!

Ricardo de Souza

É pós-graduado em finanças e Autor do livro de educação Financeira “Diálogo de Valor”. Instagram: @rsouzaadm.

Terraço Econômico

O seu portal de economia e política!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *